Meu filho não é especial simplesmente porque tem síndrome de down

Meu filho e eu esperávamos na fila para descer por um tobogã pela primeira vez, ele estava animado. A funcionária no topo do brinquedo veio e o pegou. Eu pensei que ela ia medi-lo para ter certeza de que ele era alto o suficiente para ir no escorregador, mas em vez disso, ela começou a dizer: “Ele é um menino especial, ele é um menino especial”. Depois ele disse, “Vou deixar vocês irem juntos uma vez porque ele é um garoto especial”. Eu tentei colocá-lo no escorregador sozinho, porque eu sabia que ele poderia ir de forma independente, mas ela exigiu que nós descêssemos juntos. Infelizmente, ela viu que ele tem síndrome de Down e fez suposições sobre suas habilidades.