O que o meu filho com autismo mais precisa na escola é um bom professor

Meu filho foi diagnosticado com autismo aos 3 anos de idade. Ele tinha atrasos na comunicação social, fala, uma dificuldade de aprendizagem de matemática, e ele também teve um atraso nas áreas de motoras. Com tudo isso dito, meu filho pode ter tido atrasos, mas ele também foi talentoso em muitas outras áreas. Infelizmente, devido ao seu diagnóstico, parecia que eu precisava lutar pelo meu filho em cada turno para lhe dar acesso aos serviços que ele exigia.

Eu não posso te dizer quantas lágrimas eu derramei pelo meu filho. Eu chorei antes das reuniões de acompanhamento do meu filho e chorei quando ele voltava para casa com notas baixas em seus boletins em áreas como educação física. Eu sei que ele tentou o seu melhor, mas às vezes, parecia que para os outros não era bom o suficiente. Com a forma como o autismo se apresenta no meu filho, crianças como ele muitas vezes podem ser rotuladas na escola como se não estivessem se esforçando o suficiente ou sendo preguiçosas. Eu não posso te dizer o que isso fez com a autoestima do meu filho. Ele voltava para casa e dizia coisas como: “Eu sou estúpido e queria que as coisas fossem mais fáceis e que eu fosse igual a todas as outras crianças”. Não consigo nem explicar o que isso faz ao coração de uma mãe. No final do último ano letivo, finalmente tomei a decisão de tentar encontrar uma escola que o visse por uma criança além de seu autismo.

Meu filho tem um coração incrível e ele ama com tudo o que ele tem nele. Ele daria seu último dólar para alguém na rua e reza por animais sem lar. Esta criança é muito mais que um diagnóstico. Um professor ou um administrador pode impactar uma criança de várias maneiras que eles jamais saberão. Felizmente para o meu filho, esta história tem um final feliz.

Eu me encontrei com o diretor de uma escola particular local neste verão. Ele é um psicopedagogo por profissão, então ele tem alguma experiência com aqueles diagnosticados com autismo. Eu não posso nem explicar em palavras como eu sabia que tinha encontrado a escola certa quando me encontrei com esse diretor. Ele estava cheio de graça e compaixão e eu acreditava que ele era um ser humano incrível.

Meu filho acabou sendo colocado em uma turma do segundo ano com uma das mais incríveis professoras de segundo grau com quem já tive o prazer de trabalhar. Isso está dizendo bastante, porque eu sou professora de educação especial. Essa professora abençoou meu filho de maneiras que nunca poderei retribuir a ela. Meu filho odiava a escola até este ano e agora está terminando a segunda série com um amor absoluto pela aprendizagem. Ele não está mais chamando a si mesmo de o garoto “estúpido”. Uma professora fez isso pelo meu filho. Ela deu a ele sua autoconfiança de volta e o fez se sentir amado e valorizado. Ela estava comigo em cada turno e se algum dia surgisse um problema, colaborávamos juntas e trabalhamos juntas como um time coeso. Isto é o que a educação deve ser sobre. Trabalhando juntos pelo bem da criança! Isso me faz chorar lágrimas felizes quando penso em até onde meu filho chegou e ele chegou até aqui em grande parte por causa de sua professora incrível. Ela abençoou meu filho de muitas maneiras e sou muito grata por ela.

Se seu filho já foi abençoado com um professor incrível, por favor, aproveite o tempo para agradecê-lo. Quando o ano letivo está terminando, muitos professores não ouvem com frequência o quanto eles causaram impacto.

Ass.

Courtnie Rederick

Texto retirado de https://themighty.com.

Créditos da imagem a: https://themighty.com/u/courtnie-rederick/

Agende sua sessão de Terapia Online

A Mente Amiga oferece psicólogas incríveis para que você possa fazer terapia de qualquer lugar no mundo! Para encontrá-los,  basta clicar no botão ao lado e realizar o seu cadastro! 

Rolar para cima